Páginas

Visitas - Let It Be...

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

E quando você estiver quase me esquecendo, alguém vai passar do seu lado com o meu perfume.


Pensei que passaria ontem esta sensação, que seria normal, que ficaria bem. Mas justamente ontem quando você deu um sinal de vida, toda essa minha força virou imaginária e eu desabei. Tinha pensado em todos os pontos positivos do término e ignorei os negativos, mas eles me perseguiram a noite toda e hoje de manhã me deparei com eles no café. Café com riso por favor, com um pouquinho de conversa inteligente, aah três gotinhas de sedução. Muito obrigada. No pão eu gostaria de companhia para o cinema ou noites aleatórias, pode sim, pode colocar mais um bocado de carinhos e atenção. Não consegui engolir um pedaço de tanta dor que eu sentia pela sua ausência. Não consigo sentir raiva, mas sinto sinto sinto essa angústia no peito, na garganta, na mente.

Ninguém mais se interessa pela nossa história, é notícia velha, é matéria de ontem, é a solidão se aproximando. Onde apenas eu me importo e as pessoas seguem, onde eu fico e você continua.

4 comentários: