Páginas

Visitas - Let It Be...

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Já chorei muito, já doeu muito esse coração. Mas agora tô, ó, tá vendo? De pedra.



Escute, eu sei que é difícil acreditar quando dizem '' sei como se sente ''. Mas no seu caso eu sei. Acontece que ele não estava apaixonado como eu imaginava. Que quero dizer é: eu sei como é se sentir extremamente pequena e insignificante, e como isso dói em lugares que você nem sabia que tinha em você. E não importa quantos cortes de cabelo, quantas academias você frequenta, ou quantas garrafas você toma com suas amigas. Você continua indo pra cama todas as noites, repassando todos os detalhes. E se pergunta o que fez de errado. Ou como pôde ter entendido errado. Ou como por aquele momento pensou que era feliz? Até se convencer que uma hora ele vai perceber e baterá na sua porta. E depois de tudo, ainda que essa situação tenha durado muito tempo você vai para um lugar novo e conhece pessoas que te fazem sentir útil de novo, e vai recompondo sua alma. Pedaço a pedaço. E toda aquela confusão, anos desperdiçados da sua vida, começam a desaparecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário