Páginas

Visitas - Let It Be...

terça-feira, 4 de outubro de 2011

E depois isso passa. Depois te esqueço. Como já esqueci tantas vezes. E você não é mais ninguém como de fato já não é há muito tempo.


Eu quis ele por uma aventura, uma risada, uma distração.
Depois quis o colo dele para sempre. Eu tenho saudade sabe de quê? Das histórias dele. Daquela rotina que era a vidinha que ele levava. Me faz falta é ouvir aquelas longas conversas, os sonhos dele, o que ele podia fazer para mudar o mundo. Na nossa convivência, eu aprendi muito. Não posso negar. Lembro que me ensinou que drama, não funciona com ele. Aprendi também que por mais que você queira muito alguém, ninguém vale tanto à pena a ponto de você deixar de se querer. Melhor te ver correndo pra longe do que empacado em minha vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário