Páginas

Visitas - Let It Be...

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Depois de tantas pessoas certas que apareceram na hora errada veio ele, a pessoa errada na hora certa.

Eu quis tanto o diferente. Tinha cansado de pessoas iguais, sonhos iguais, modas iguais, conversas iguais. E como diz um provérbio chinês: “Cuidado com o que você deseja...” Eu não quero admitir, mas é óbvio que eu tô entrando em uma enrascada(outra vez). O problema é esse vício de apego que a gente tem. Eu consigo bancar a durona, independente, segura para todos os homens que se acham o garanhão pra cima de mim. Aí chega um infeliz, que balança toda a minha estrutura. Que inverte meus conceitos. E o pior é que o coração dele é um lugar completamente desconhecido. Logo pra mim, que tinha tudo sob controle. Era eu quem ditava as regras. Eu me conheço bem, sei que de um ego que não suporta perder. Sei também que é daquele sorriso que minha alma precisa. Esse é o meu segredo que eu jamais contarei a alguém. Mas eu tô a fim dele. Muito a fim dele. É assim que funciona minha filha, para se apaixonar, basta estar distraída.

2 comentários:

  1. parece que é sempre assim né, você cria aquela armadura de mulher forte e independente, que não quer ninguém nem gosta de ninguém; tem mil e um por ai fazendo de tudo pra te conquistar e você não dá a mínima, não consegue sentir nada. e ai, de repente, chega um que não faz nada, e você se desarma, se envolve, se entrega; e justamente esse que quebra todas as suas barreiras não tá nem ai pra você. pense num coração escroto viu. ;xx
    adorei o texto, me indentifiquei demaaais.

    ResponderExcluir
  2. Carol, me adiciona no face menina! estamos na mesma enrascada! hahahaha é Camila Brasil
    ;****

    ResponderExcluir